Publicação internacional reúne pesquisadores da Ufam e Trier

Em parceria com pesquisadores e alunos de doutorado do Departamento de Biogeografia, da Universidade de Trier (Alemanha), o professor Marcelo Menin, coordenador do Acordo de Cooperação com a referida universidade, juntamente com outros docentes do departamento de Biologia, divulga as primeiras publicações referente ao subprojeto “Diversidade de anfíbios em bancos de macrófitas e florestas de terra firme na Amazônia: implicações na evolução de espécies e comunidades”, desenvolvido pelo aluno de doutorado Luis Fernando Marin da Fonte da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (conheça um pouco dessa história).

O professor Menin explica que o Plano de Trabalho com a Universidade de Trier “Biogeografia, Diversidade e Evolução de Anfíbios na Floresta Amazônica”, abrange três subprojetos desenvolvidos por alunos de doutorado. “Em face da imensa diversidade de anfíbios da Amazônia (atualmente são conhecidas cerca de 230 espécies), de algumas lacunas relativas ao conhecimento da anfibiofauna nesse bioma e para melhor execução do Plano de Trabalho definiu-se um subprojeto para cada um dos objetivos principais”, comenta.

Assim, as duas primeiras publicações internacionais oriundas da pareceria acadêmico-cientítifica entre a Ufam e a Universidade de Trier, Alemanha são:

Böning, P., Wolf, S., Upton, K., Menin, M., Venegas, P.J., Lötters, S. 2017. Amphibian diversity and its turnover in floating meadows along the Amazon River. Salamandra, v. 3, n.3, p. 379-388 

Telles, D.O.C., Carvalho, V.T., Gordo, M., Kaefer, I.L., Fonte, L.F.M., Menin, M. 2017. Scarthyla goinorum (Bokermann, 1962): New records for the States of Amazonas and Pará, Brazil. Herpetozoa (Wien), v. 30, n. 1/2, p. 88-92. 

 

Além disso, dois estudos foram apresentados em Congressos na Europa:

Fonte, L.F.M., Menin, M., Gordo, M., Lötters, S. Diversity patterns of amphibians in the Amazonian floating meadows. In: 10th Annual Meeting of the Specialist Group on Macroecology of the Ecological Society of Germany Austria and Switzerland, 2017, Vienna, Austria. v. 1. p. 34-34.

Fonte, L.F.M., Böning, P., Menin, M., Lötters, S. Amphibian diversity of floating meadows: a pan-Amazonian study. In: DGHT 52. Jahrestagung für Herpetologie und Terrarienkunde, Oldenburg. Programm und Zusammenfassungen, 2016. v. 1. p. 32-33.

Os outros dois subprojetos em desenvolvimento “Explicando distribuições pan-amazônicas em anfíbios: um estudo de caso sobre Ameerega trivittata”, e “Coloração de alerta e sua evolução em sapos-arlequim (Atelopus, Bufonidae, Anura, Amphibia) na Amazônia”, referem-se à fauna de anfíbios (adultos e larvas) e a toxicidade e cores de alerta (aposematismo), respectivamente.

Todos os alunos envolvidos  são alunos de Doutorado da Universidade Trier e orientados pelo doutor Stefan Lötters.