Perguntas Frequentes

Quais critérios para realizar Mobilidade?

De acordo com a Resolução nº 028/2015, para participar de Mobilidade o discente deve estar regularmente matriculado, ter feito no mínimo 20% dos créditos e no máximo 90% dos créditos e ter coeficiente de rendimento igual ou superior a cinco.

Como candidatar-me para participar de mobilidade?

Para ingressar em curso de mobilidade acadêmica o discente deve primeiro decidir onde deseja estudar e  acompanhar o período de lançamento do edital.  Geralmente as universidades exigem preenchimento de formulário, onde deve constar plano de estudo, envio de documentos acadêmicos e comprovação de proficiência no idioma exigido.  Dependendo do Programa, a instituição também opta por realizar entrevista.

Posso aproveitar estágio feito no exterior?

De acordo com a Lei n 11.788/08 os estágios cursados no exterior ainda não são passíveis de aproveitamento acadêmico.

Como posso aproveitar as disciplinas cursadas no exterior?

Ao sair para Mobilidade, o aluno deve elaborar junto com o coordenador do curso Plano a ser estudado na universidade de destino, este procedimento visa garantir o  aproveitamento quando do retorno, no entanto, caberá ao coordenador analisar as equivalências e deferir o pedido.

Como oficializar saída para Mobilidade?

Os alunos selecionados para Mobilidade Acadêmica devem oficializar solicitando da ARII link de preenchimento do Formulário de Mobilidade para que  ARII solicite sua matrícula da Proeg.

Se eu for para Mobilidade Acadêmica posso perder o período?

O aluno que decide fazer intercâmbio deve estar consciente de que perder um período é uma possibilidade de vido a falta de equivalência entre as disciplinas.

As disciplinas cursadas no exterior podem ser aproveitadas como crédito optativo?

Todas as disciplinas cursadas no exterior podem ser aproveitadas como créditos optativos.

Qual a diferença entre Mobilidade Acadêmica e Intercâmbio?

O tempo é o grande diferencial, pois a Mobilidade acadêmica é de um semestre prorrogável por mais um semestre, enquanto o intercâmbio pode ser uma semana, um mês, três, seis, ou mais.

O que é pré-aproveitamento?

Quando selecionado para mobilidade o discente deve procurar a coordenação de  curso para juntos realizarem um plano de estudos. Este plano será considerado como um pré-aproveitamento, já que está assinado pelo coordenador do curso. O objetivo da ação é facilitar o aproveitamento quando do retorno do aluno.

A ARII realiza transferência para Universidade estrangeiras?

Todo processo de transferência seja para o Brasil ou exterior devem seguir os trâmites estabelecidos pela Pró-Reitoria de Ensino de Graduação.(Proeg).  Assim, a solicitação de transferência devem ser solicitada diretamente na Proeg.

A ARII intervém de alguma forma na retirada do visto?

A retirada do visto é responsabilidade do aluno e deve ser feito ao consulado ou embaixada do país de destino. A ARII não intervém nem para retirada de passaporte, nem para retirada de visto.

A ARII aplica prova de proficiência?

Não. A realização de prova de proficiência é de total responsabilidade do aluno.

Quais são os tipos de exames mais aceitos no exterior?

Inglês

TOEFL e IELTS são os principais testes de proficiência na língua inglesa. O primeiro é comumente utilizado nos EUA e o segundo, na Europa. A nota do TOEFL vai de 0 a 120. Boas universidades costumam exigir um mínimo de 90 pontos, as notas para mestrado e doutorado tendem a ser maiores. Já a pontuação do IELTS vai de 0 a 9.

Espanhol

DELE e SIELE são os principais testes de proficiência na língua espanhola. Existem seis provas diferentes de DELE, que avaliam as competências e níveis de fluência da língua (do A1 ao C2). No site do Instituto Cervantes é possível saber mais sobre cada nível. O SIELE, por sua vez, é dividido em quatro provas que compreendem as diferentes competências da língua (leitura, audição, escrita e oral). O candidato pode optar por avaliar apenas algumas dessas competências. Os exames de proficiência são realizados de forma eletrônica em centros autorizados. Infelizmente, há um cronograma fechado de provas para cada ano.

Francês

Quanto a língua francesa, os principais são DELF e DALF. No Brasil, a única instituição autorizada a aplicá-los é a Aliança Francesa, que estabelece 2 períodos de provas no ano e taxa de inscrição para todo o país. Ao todo, são seis diplomas oficiais, correspondentes a seis níveis diferentes. No geral, universidades exigem diplomas dos níveis B2 ou C1 para admitir estudantes.

Onde posso encontrar formulário de pré-plano de estudo?

O formulário de pré-plano está disponível no site da ARII, no menu serviços.

A prova de proficiência é exigida em todas as universidades estrangeiras?

Não, isso irá depender das regras de candidatura da Universidade de destino.

Como posso fazer aulas de português para estrangeiros não sendo aluno da Ufam?

Pessoas externas à Ufam queiram fazer aula de Português devem procurar o  Centro de Estudos de Língua (CEL), localizado no Bloco Mário Ypiranga, setor norte da Universidade. As aulas gratuitas de Português para Estrangeiros destinam-se somente aos alunos em Mobilidade Acadêmica na Universidade.

Há oportunidades pra quem já concluiu 90% dos créditos e não pode mais realizar mobilidade acadêmica?

Sim, há diversas oportunidades para pós- graduação que são diariamente publicadas das no site e fanpage da Arii no Facebook.

Quais são os principais documentos para realizar mobilidade acadêmica?

Passaporte, visto para o país escolhido e a Carta de Aceite da universidade de destino são os principais documentos, porém é necessário verificar outros apontamentos que a instituição exige para validar a candidatura.

Quais são os melhores países para se fazer intercâmbio?

Não existe uma lista rígida, visto que o melhor lugar será de acordo com seus objetivos. Porém, os países mais procurados: Canadá, Austrália, Irlanda, Estados Unidos, Inglaterra, Nova Zelândia, Malta, África do Sul, França e Alemanha.

Como fazer intercâmbio para outra universidade de fora sem ter um edital aberto?

Qualquer seleção para Mobilidade ou Intercâmbio exige abertura de edital de inscrição.

Qual a diferença entre Graduação Sanduíche e Graduação de Duplo Diploma?

A graduação sanduiche é a Mobilidade Acadêmica que vai de seis meses a um ano e a graduação de Duplo Diploma o aluno realiza metade do curso na universidade de origem e a outra metade na universidade de destino, sendo diplomado  pelas duas instituição desde que ambas as instituições tenham formalizado Acordo de Dupla Diplomação.

É necessário fluência em inglês para fazer intercâmbio?

Não. Isso irá depender das regras de candidatura da universidade de destino, mas instituições com aulas lecionadas em língua inglesa exigem no mínimo nível intermediário. 

O que é necessário para fazer um acordo de cooperação entre Universidades Internacionais ou Nacionais?

A formalização de Acordo de Cooperação na Ufam depende de manifestação por parte de interessado em coordenar as ações a serem desenvolvidas, pessoa quem deve dar início ao processo com solicitação formal a ARII. 

Como realizar Mobilidade por meio de Acordo de Cooperação?

Para realizar Mobilidade por meio de Acordo de Cooperação o aluno deve estar ciente de que não terá bolsa, no entanto, será isento de taxas e mensalidades. Então, é só aguardar o período de candidatura da universidade e participar da seleção. No caso de instituição em que não há Acordo firmado, o aluno deve procurar a ARII para orientações.

A ARII faz reconhecimento de documentos de intercambistas?

A ARII atesta documentos de alunos que realizaram intercâmbio mediante comprovação documental

A ARII oferece o serviço de tradução de documentos ou tradução juramentada na Arii?

Não, a ARII não realiza serviço de tradução.

Quais sãs as modalidades de tradução exigidas ?

Ao ter que realizar tradução o aluno precisa ter certeza se pode realizar tradução livre, ou seja, o próprio discente pode traduzir ou se estão exigindo tradução juramentada, neste caso deve-se procurar pelos serviços de um tradutor juramentado.

Como um estudante estrangeiro pode estudar na Ufam?

Os alunos estrangeiros interessados em realizar Mobilidade na Ufam devem se candidatar nos períodos estabelecidos de acordo com seu objetivo de ingressar no primeiro ou segundo semestre.