Acordos de Cooperação

A Ufam como toda organização precisa manter e ampliar o diálogo com os macros e micros sistemas como forma de evitar a entropia. Porém, isso se torna um desafio quando essa troca de informações necessita extrapolar o local e o nacional, e alcançar públicos em escala global.

Mas, em parte e aos poucos, a Ufam tem vencido essa desafio, sobretudo a partir de 2012 com o lançamento do Programa Ciência sem Fronteiras cujo objetivo foi o de promover a consolidação, expansão e internacionalização da ciência e da tecnologia, da inovação e da competitividade brasileira por meio do intercâmbio e da mobilidade internacional.

Com a extinção do Programa em 2016, as Universidades buscam impulsionar a internacionalização por meio da formalizando de Acordos de Cooperação a fim de consolidar os Acordos como ferramenta indispensável para elevar a Ufam ao patamar global de troca, absorção de conhecimentos, inovação e tecnologia, e consequentemente, dinamizar o processo de internacionalização da Universidade.